Leal recebe autoridades federais e estaduais em seu gabinete

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Nelson Leal (PP), disse que quer bater o recorde de votações no segundo semestre

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), Nelson Leal (PP), recebeu em seu gabinete, neste sábado (9), autoridades que vieram prestigiar a Convenção Nacional do Avante, realizada no Auditório Jornalista Jorge Calmon. Estavam presentes o deputado federal Pastor Sargento Isidório (Avante) e o deputado estadual Pastor Isidório Filho (Avante), anfitriões do encontro nacional do partido. Além deles, também participaram do encontro o senador Otto Alencar (PSD), o deputado Vitor Bonfim (PP), a deputada federal Joice Hasselmann (PSL) e o ex-ministro da justiça e ex-deputado federal pelo PT José Eduardo Cardoso.

Leal frisou que a pauta mais importante, atualmente, é a serenidade. “Estamos vivendo um momento muito difícil no Brasil, uma grave crise multifacetada. Ela é política, econômica e institucional. A gente tem que ter cuidado para não aprofundá-la mais. O que nós queremos de fato é que o Brasil passe por essa fase mais turbulenta e que possa voltar a crescer, a se desenvolver, gerando emprego e renda, para que as pessoas possam melhorar sua qualidade de vida. Essa é, sem sombra de dúvidas, a luz no caminho de todos nós que fazemos a política aqui no estado ou nacionalmente”, disse.

Segundo o chefe do Legislativo baiano, é preciso progredir com as reformas para impulsionar novamente o país. “Espero que a gente possa avançar e deixar para trás essa desculpa do ano passado. Está na hora de a gente governar e de pensar num Brasil melhor para todos nós”.

Por fim, o presidente também se mostrou feliz por receber, na ALBA, os representantes do Avante nacional e dos estados. “É também uma oportunidade de rever grandes amigos, de estar aqui com os nossos senadores da Bahia, Otto Alencar e Angelo Coronel, e com o vice-governador do estado, João Leão. Um dia importante para a nossa Casa e importante para a Bahia, afinal de contas, existem pessoas que estão procurando lutar e contribuir para um país cada vez melhor”, elogiou.

COMPARTILHAR