Rui diz que governo Jair Bolsonaro é o pior da história: ‘desastre na saúde e na economia’

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), voltou a disparar contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nesta terça-feira (13).

Em uma coletiva virtual de imprensa, o chefe do Executivo baiano considerou que a atual gestão federal é a pior da história do Brasil.

“Esse governo já entrou como o pior, não só da história do Brasil, mas da história do mundo. Daqui a 50 anos, quando alguém estiver falando, lendo sobre a pandemia de 2020/2021, vai estar lá aparecendo: o pior país do mundo foi o Brasil, o país que desrespeitou todas as recomendações foi o Brasil”, declarou o governador.

Rui afirmou ainda que, ao longo da pandemia do novo coronavírus, o presidente da República deu “demonstrações sucessivas de desrespeito com a vida humana”.

“A cada dia que a gente chorava 10 mil, 20 mil mortos, qual exemplo o presidente dava? Completou 100 mil, ele foi fazer churrasco […] Chamando a doença de ‘gripezinha'”, disse.

O gestor também criticou a contraposição entre saúde e economia feita por Jair Bolsonaro ao atacar as restrições a atividades econômicas para conter a Covid-19.

“Desde o primeiro dia, o presidente inventou essa história de economia vs saúde […] A China tem 1,4 bilhão de pessoas, e a mortalidade lá, comparada com o Brasil, foi nada. Por que estamos nessa agonia? Porque com pandemia não se brinca. Nós resolvemos conviver com o vírus, convidar o vírus pra dentro de casa, dizendo ‘ó, você dorme aqui no quarto do lado’. Então morreu a saúde, morreu as pessoas e morreu a economia”, disse.

“Numa pandemia, você combate o vírus, em poucos dias, pra depois a economia funcionar. Infelizmente, no Brasil a gente tem um desastre econômico e na saúde. Os países que não ficaram nessa conversa mole de economia vs saúde, e nem chamaram de ‘gripezinha’, levaram a sério, não precisaram ficar tanto tempo com a economia fechada. Infelizmente, o Brasil é o pior do mundo, porque ficou nessa agonia, nesse conflito saúde vs economia”, concluiu o governador.

COMPARTILHAR