Chef é achado morto um mês depois de ser eleito o melhor do mundo

cafj_a5wiaeg_in-1_770x433_acf_croppedO chef franco-suiço Benoît Violier foi encontrado morto nesse domingo (31/1) em sua casa em Crissier, na Suiça. Segundo a polícia local, há indícios que o chef de 44 anos, tenha cometido suicídio.

Uma investigação foi aberta para determinar as causas exatas da morte de Violier e, em respeito à família, a polícia não vai divulgar mais informações. De acordo com a publicação francesa Le Monde, o chef teria usado uma arma de fogo.

Em dezembro, o restaurante do L’Hôtel de Ville, comandado por Violier, foi eleito pelo ranking La Liste o melhor restaurante do mundo, recebendo 3 estrelas Michelin. O franco-suiço já possuía inúmeros prêmios reconhecidos e estava desde 2012 à frente da cozinha do L’Hôtel de Ville.

COMPARTILHAR