Secretário nega contingenciamento a universidades e rebate ministro da Educação

O secretário de Educação da Bahia, Jerônimo Rodrigues, negou que exista contingenciamento a universidades estaduais e rebateu o ministro da Educação, Abraham Weintraub. Nesta segunda-feira (28), Weintraub ironizou o governo Rui costa (PT) e atacou a imprensa pelo contingenciamento.

Segundo Rodrigues, o governo do Estado investiu mais de R$ 1,3 bilhão nas quatro universidades estaduais, em 2018. De acordo com ele, o número é 137% maior que o total investido em 2007, primeiro ano da gestão Jaques Wagner.”Em 2019, vamos confirmar essa tendência de crescimento anual do orçamento na Educação Superior. Não há contingenciamento no orçamento, muito pelo contrário. O volume de recursos executados pelas universidades certamente vai superar 2018″, afirmou o secretário. 

O secretário disse ainda lamentar as declarações do ministro da Educação nas redes sociais. “Ao invés de espalhar fake news, ele deveria usar seu tempo para trabalhar pela Educação, coisa que ainda não fez desde que assumiu o cargo”, afirmou, ao criticar a postura da oposição. “Na Bahia, a oposição se vale de uma estratégia contaminada pela falta de atitude e desconexo com o tema. Até me anima ver pessoas que nunca dialogaram com as universidades, quererem se apropriar de um contexto que historicamente não se importaram”, acrescentou. 

COMPARTILHAR