Itabuna não paga ticket-alimentação dos servidores da saúde que combatem a Covid

"/>

A Prefeitura de Itabuna não pagou – e nem tem prazo para pagar – o ticket-alimentação dos servidores da saúde. O valor é um complemento salarial alimentar de grande relevância, em especial para os servidores que percebem um salário mínimo, a exemplo de agentes de serviços gerais, digitadores, atendentes de farmácia, técnico em saúde pública, dentre outras atividades. Segundo o Sindicato dos Servidores Públicos, muitos destes servidores estão atuando na linha de frente do combate ao novo coronavírus, atuando no Samu e na UPA. “Muitos estão passando necessidade neste momento”, afirmou o sindicato em nota.

Procurado pelo Jornal Bahia Online, o secretário municipal de Saúde, Uildson Nascimento, confirmou a situação. Segundo ele, esse pagamento é feito com recursos próprios (ICMS e ISS) e devido a queda de arrecadação não foi possível até o momento a quitação. “Estaremos dando prioridade ao pagamento dos salários”, afirmou.

Informações do site jornalbahiaonline

COMPARTILHAR