Ex-deputada estadual Kelly Magalhães morre em Salvador

Ex-deputada, que também foi presidente da Câmara Municipal de Barreiras, no oeste da Bahia, morreu neste domingo, após dois anos de tratamento contra um câncer.

A ex-deputada estadual e professora Kelly Magalhães morreu, neste domingo (23), aos 52 anos, em Salvador. A informação foi divulgada pela Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), neste domingo (23). A ex-parlamentar enfrentava um câncer há dois anos.

Natural de Barreiras, no oeste da Bahia, Kelly foi eleita vereadora na cidade, pelo Partido Comunista do Brasil (PCdoB) por dois mandatos, entre 2005 e 2008 e 2009 e 2012, onde também presidiu a Câmara de Vereadores. Kelly renunciou em 2010, após ser eleita deputada estadual pelo PCdoB. Ela ocupou uma cadeira na Assembleia Legislativa da Bahia entre 2011 e 2015.

Na Alba, a deputada atuou nas comissões de Direitos da Mulher, Promoção da Igualdade, Meio Ambiente, Educação e na CPI do Tráfico de pessoas, como titular. Atuou ainda como vice-lider da bancada da Maioria na ALBA durante o ano de 2014. Kelly deixa esposo e dois filhos, Maria Eduarda e Felipe.

O governador Rui Costa lamentou, pelo Twitter, a morte de Kelly Magalhães. “Minha solidariedade aos familiares e amigos da ex-deputada estadual Kelly Magalhães, importante liderança do PCdoB no oeste da Bahia. Professora e ex-vereadora em Barreiras, onde presidiu a Câmara Municipal, Kelly deixa um legado de luta por uma sociedade mais justa”, escreveu.

O presidente da Assembleia, Adolfo Menezes, decretou luto oficial de três dias e se solidarizou com os familiares e amigos da ex-parlamentar. Outros políticos, como a deputada Olivia Santana e o senador Jaques Wagner lamentaram a morte de Kelly, destacaram a trajetória da professora no ambiente político e manifestaram solidariedade aos amigos e familiares.

Através de nota, o PCdoB- Bahia chamou Kelly de “combativa companheira de tantas lutas” e lamentou a morte da professora. A família ainda não divulgou detalhes sobre o enterro da ex-deputada.

Fonte: g1 Bahia.

COMPARTILHAR