Sabemos que nada pode reparar a perda, diz Lula sobre naufrágio

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) também se pronunciou e se solidarizou com as vítimas do naufrágio na Baía de Todos os Santos, ocorrido na manhã desta quinta-feira (24).

“Em poucos dias, de forma trágica, dois acidentes em embarcações tiraram a vida de dezenas brasileiros, inclusive crianças. Um ocorrido no rio Xingu, no Pará e outro hoje, na Bahia de Todos-os-Santos, entre Salvador e Itaparica. Nós sabemos que nada pode reparar a perda de um ente querido. Nossa solidariedade com os familiares e amigos das vítimas nesse momento de dor”, afirmou Lula.

O número de mortes subiu para 23 no naufrágio da lancha Cavalo Marinho I, na Baía de Todos os Santos, ocorrido na manhã de hoje. A informação foi confirmada pela Marinha, por meio da Capitania dos Portos. A lancha tinha capacidade para 160 passageiros e transportava 113, segundo a Argeba.

De acordo com a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), 89 pessoas foram resgatadas com vida até o momento. Entre os sobreviventes resgatados, 70 estão na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Mar Grande; 15 estão no Hospital Municipal de Itaparica; dois estão no Hospital do Subúrbio e dois no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador.
COMPARTILHAR