Quase meia tonelada de cocaína foram apreendidas nesta segunda-feira (05), em uma carga de minério de ferro no porto de Salvador. A Receita Federal informou que a droga teria como destino final na Europa, precisamente o porto de Antuérpia, na Bélgica.

A suspeita é que a técnica criminosa que foi utilizada é a denominada “rip-off modality”, termo do glossário do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crimes (UNODC), quando o material é inserido em uma carga lícita, sem o conhecimento dos exportadores e importadores.

O material foi encaminhado para a Polícia Federal, que seguirá com a investigação. A apreensão é resultado do controle contínuo da aduana, com uso intensivo de tecnologia e de técnicas de análise e gerenciamento de risco.

A Receita Federal informou que este caso já é a 9ª apreensão de cocaína pela Receita Federal no Porto de Salvador, em 2020.

COMPARTILHAR