Ipirá: homem é preso pela polícia por manter esposa e filhos em cárcere privado

Uma mulher e duas crianças que eram mantidas em cárcere privado, na Zona Rural, conhecida como Bonfim, do município de Ipirá, a 204 quilômetros de Salvador, foram libertadas no final da tarde desta terça-feira (21) pela Polícia Civil.

A vítima aprisionada e que sofria agressões, Marineide Macedo, está grávida de cinco meses e no momento estava com seus dois filhos  menores, que  eram mantidos aprisionados.

De acordo com a polícia, assim que a situação foi denunciada pela mãe da vítima, reforços foram solicitados e policiais se dirigiram ao local. 

A mulher foi trancafiada no local desde o mês de fevereiro, quando revelou ao companheiro sua intenção de terminar o relacionamento com ele.  Bastante assustada ela contou que  era espancada diariamente. Segundo ela, o companheiro é usuário de drogas e usa medicações controlada. De acordo com a vítima, a decisão da separação foi tomada após uma série de agressões vivenciadas no convívio amoroso. Porém ele não gostou da ideia e resolveu trancá-la em casa. 

Marineide estava com vários hematomas de violência pelo corpo e foi encaminhada  para realizar exames de corpo de delito na polícia técnica.

Rodrigo de Jesus Oliveira foi preso em flagrante e autuado por cárcere privado, ameaça e lesão corporal baseado na lei Maria da Penha.

A mulher e as crianças  estão sendo protegidas por medidas protetivas, foram amparadas pelo serviço social do município inclusive com acompanhamento psicológico e social.

COMPARTILHAR